quarta-feira, 17 de junho de 2009

Não Chore por mim

Quando eu for embora,
Não chore por mim
Não mereço tanta consideração.
Sou apenas um vulto que você viu na parede.
Nada mais.
Eu sou efêmero como a brisa,
Que acariciou o teu belo rosto, mas, logo foi embora
Eu sou a flor que adornava teu cabelo
Mas logo murchou, perdeu vida, beleza
E caiu no esquecimento.

Quando eu for embora, não chore por mim
Não gaste comigo as lágrimas,
Que estão transbordando em tua face
Não mereço o carinho dessas mãos trêmulas
Que seguram com firmeza, minha mão gelada

Eu não sou teu amigo.
Eu não sou teu amor.
Tão pouco sou teu irmão.

Eu sou trevas,
Eu sou luz,
Eu sou a melodia,
Mas também sou o silêncio.
Eu sou a cruz que abrigou Jesus,
Nas suas derradeiras horas de sofrimento.

Eu sou aquilo que você não foi,
Mas se quisesse,
Poderia ter sido.
Eu sou a paixão ardente,
Que nem chega a ser amor!
Eu sou um livro
Na estante esquecido.
Eu sou um roseiral que há muito murchou.

Por isso quando eu morrer, não chore por mim.

Aflaudisio Dantas

8 comentários:

  1. Gostei do texto isso reflete muito meu pensamento acho que ninguém deve sofrer pela falta d ealguém, o quebra-cabeças da vida é montado por Deus ele sabe a hora de tudo acontecer.

    BLOGdoRUBINHO
    www.blogdorubinho.cjb.net

    ResponderExcluir
  2. Dantas meu amigo, lendo o "texto" que você acabou de nos presentear, me vem 2 ou 3 músicas de Raul Seixas a cabeça... acho interessantissimo quando isso acontece! Mesmo não tendo muito a ver com o assunto, as sinapses cerebrais trabalham a todo vapor e conseguem a proeza de interligar assuntos que a primeira vista,estão desconexos! rs...

    ResponderExcluir
  3. adorei *-*
    é pelas pessoas mais erradas que choramos, as certas não existem !

    ResponderExcluir
  4. Adorei .. como sempre .. vejo que ha muitas pessoas com taleto de colocar em palavras sentimeotos tão dificeis de descrever ..
    Vc .. claro é um deles .. parabéns!!

    Abç.

    ResponderExcluir
  5. muito bom, gostei muito dos seus poemas :)

    ResponderExcluir
  6. Nossa que perfeito.
    Sem palavras.
    *-*

    ResponderExcluir
  7. Parabéns pelo contexto do seu blog! abraço e te sigo!

    ResponderExcluir
  8. vc escreve mto bem
    parabens novamente
    visite-nos e comente tmbm
    aguardamos

    http://mikaelmoraes.blogspot.com

    ResponderExcluir

manifeste-se